i'm homesick and living in the past

início / blogroll / seguir
{ older posts / newer posts }

22 janeiro, 2021

há muito muito tempo eu queria voltar a escrever aqui, mas prometi pra mim mesma (sem razões maiores) que só voltaria pra cá esse ano e quando conseguisse meu computador novo. e aqui estamos nós: janeiro de 2021, com o meu tão tão estimado notebook novo com adesivo de banana (!!) da gabi, viver é muito bom as vezes. o propósito desse post é só divagar sobre algumas coisas que têm ocorrido, uma espécie de expurgo que acho que acabou ficando bem recorrente por aqui.

eu arquivei as postagens antigas, também sem um motivo maior e muito definido. mas acho que não vai fazer tanta falta assim de qualquer forma porque esse layout que coloquei dificulta um pouco a navegação por postagens antigas, eu sei, mas é intencional. ele é simplão assim porque é essa a fase da vida que eu tô: intencionalmente simplona. tô tentando me organizar desde o comecinho do mês pra que esse ano eu possa ser um pouco mais minimalista em relação às coisas a minha volta, não só bens materiais etc. há um tempão eu tô querendo dar uma reduzida em tudo e não necessariamente reduzir o ritmo como as pessoas tem falado por aí, mas simplesmente, sei lá, organizar tudo tudo na minha vida igual a marie kondo faz. colocar cada pensamento, cada ideia, cada sentimento e sonho e tudo o mais em caixinhas que estão guardadinhas em lugares que eu conheço e entendo, ao invés de deixar tudo espalhado e misturado, jogado por aí. quero ter noção de tudo que acontece comigo e em mim e estar presente em todas essas coisas - o que é diferente de entender tudo, não quero entender tudo. quero entender o menos possível. nada do que tô falando tá fazendo sentido, né? organizar ideias é a parte mais difícil. tô enferrujada também, não escrevo aqui e em lugar nenhum há meses.

tô descobrindo coisas legais recentemente, ouvindo bastante música e vendo um número razoável de filmes. atualmente me encontro apaixonada por um cantor do interior dos estados unidos chamado alex g. ele é incrível, acho as músicas muito originais e únicas, ele em si é um figura bem interessante também assim como toda a ~cena~ em volta dele. sem falar que talvez eu esteja desenvolvendo um amor platônico pois mucho bonitinho!! o jeitinho que ele canta ao vivo com os dentes cerrados e a carinha assim >:-( é muito encantador. fiz essa playlist com algumas das músicas que gosto dele incluindo uma entrevista com ele super novinho e um show em que você podem ver ele cantando com os dentinho cerrados..... quem me apresentou o alex g foi um amigo que fiz no lastfm. tenho pensado bastante ultimamente sobre essas relação es que a gente vai fazendo e construindo e sobre como tudo isso é fruto de inúmeros acasos. é legal parar pra pensar às vezes em todas as pessoas que a gente conhece e a diferença que elas fazem nas nossas vidas etc, o impacto disso tudo. recentemente entrei pra um coletivo artístico aqui de são paulo, ele reune alguns escritores e artistas visuais da periferia e do interior de são paulo pra publcação independente e online de poesia e afins. tem sido legal. 

desenhar tá sendo meio difícil esses últimos dias, não sei porque exatamente mas espero superar isso logo. tenho sentido constantemente aquela angústia de querer muito fazer determinada coisa (ou várias inúmeras coisas) e simplesmente não conseguir se mexer. realmente não sei se é falta de motivação, determinação ou disciplina ou seja-lá-o-que-for. só sei que é muito agoniante isso de querer querer querer e querer muito mas não conseguir. talvez eu deva me dedicar mais a resolver isso...

por último, mas não menos importante (odeio essa colocação!!?!?! por que eu falei?!?!! apaga apaga!!), finalmente comprei tintas decentes e pincéis legais pra fazer pinturinhas. tem sido divertido, mas não tenho pintado tanto quanto eu gostaria pelo motivo que disse ali em cima. mas de qualquer forma esse ano também quero me dedicar muito a isso. ah, faltou falar da faculdade.

por último, mas não menos importante (!!), mês que vem me matriculo no terceiro semestre da faculdade. passou rápido demais, né? tive exatamente 1 semana de aula presencial ano passado e exatamente 4 meses pra fazer dois semestres on-line. foi foda, mas sobrevivemos. acho que já falei isso aqui mas é triste e revoltante ao mesmo tempo saber que tivemos aulas ruins que poderiam ser ótimas se tivessem sido dadas como deveriam. pelo visto pelo menos esse primeiro semestre também vai ser à distância. espero que seja melhor.

bom, então acho que é isso. não vou prometer regularidade entre as postagens aqui, quem me conhece sabe que fingir que não existo é um dom natural. mas novidade: tô muito empolgada pra dar continuidade no projeto de newsletter esse ano! assim que solucionar o problema de querer querer querer e não fazer eu volto com atualizações sobre isso. até a próxima, se cuidem!

Marcadores:




1 Comentários